Pular para o conteúdo
Insights > Mídia

O Relatório de Audiência Total da Nielsen: Q2 2018

Leitura de 2 minutos | Dezembro 2018

Como o cenário da mídia continua a evoluir, ele oferece aos consumidores uma variedade de opções para personalizar seu uso da mídia através da televisão, rádio e digital. O tempo gasto com o aparelho de televisão está mudando, com os consumidores gastando mais tempo usando dispositivos conectados à TV para transmitir conteúdo além da TV tradicional. Da mesma forma, os dispositivos domésticos inteligentes estão mudando a maneira como as pessoas interagem com a tecnologia, seja para ouvir música, dar diretrizes ou receber atualizações sobre as últimas notícias. Mais conteúdo de mídia também está sendo acessado através de plataformas digitais. Muitas vezes, os consumidores multitarefa, optam por usar dispositivos - pesquisando simultaneamente algo que ouviram ou viram, verificando e-mails, compras on-line, ou simplesmente mantendo-se conectados com outros.

Esta iteração do Relatório Nielsen de Audiência Total fornece uma visão sazonal do uso, já que agora temos quatro trimestres completos de dados com base em uma metodologia comum. É importante notar que a sazonalidade desempenha um papel entre plataformas lineares, mas menos para o digital. Além disso, delineamos o que é "horário nobre" para cada plataforma, dando-nos uma visão do uso diário de diferentes dispositivos de mídia. Também abordamos o multitarefa digital com plataformas lineares.

Uso da mídia por hora do dia

Acesso e conveniência são dois fatores-chave que determinam como as pessoas consomem a mídia em momentos diferentes. Então, o horário nobre ainda é relevante nesta era de fragmentação de dispositivos? A resposta é um retumbante "Sim", pois os adultos passam mais tempo na mídia das 21h às 22h do que qualquer outra hora ao longo do dia. Quase 38 de um possível 60 minutos são gastos com TV ao vivo + tempo deslocado, dispositivos conectados à TV, rádio e digital (computador, smartphone, tablet) durante esse tempo. A hora das 21 horas também é o horário de pico para o uso tanto da TV quanto dos dispositivos conectados à TV.

O rádio está mais ligado ao horário comercial tradicional. O tempo de escuta atinge o pico às 12 horas, mas a participação do rádio no tempo total de mídia gasto por hora é consistentemente maior entre 7 horas da manhã e 17 horas. O uso digital também é notavelmente consistente por um período de tempo ainda mais longo ao longo do dia. Há menos de um minuto de flutuação no tempo gasto das 9h às 21h. De manhã à noite, a Internet é parte integrante da vida das pessoas.

br